Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sara Beauty

Um blog onde falo sobre diversos assuntos como maquilhagem, beleza em geral, inspirações, etc.

Sara Beauty

Um blog onde falo sobre diversos assuntos como maquilhagem, beleza em geral, inspirações, etc.

07
Mai18

Últimos Filmes Vistos #3

E cá estou eu a ver mais filmes! Houve filmes que vi pela segunda ou terceira vez, mas esses não vão entrar neste tipo de listas... Mas sem perder mais tempo, eis mais uma lista:

 

Gru - O Maldisposto 3 (2017)

Neste terceiro filme de Gru – O Maldisposto, Balthazar Bratt, um ex-ator infantil que cresceu obcecado com a personagem que interpretou nos anos 80, revela-se como um dos mais formidáveis inimigos de Gru até hoje.

Fiel aos Minions como eu sou, claro que gostei do filme e estou à espera de um filme Minions 2! Acho que é perfeito para crianças e graúdos para quando se quer um filme em que se sabe com certeza que vamos dar uma gargalhada ou outra.

 

The Night Before (2015)

Na tradicional festa de Natal na cidade de Nova Iorque, três amigos de longa data decidem reunir-se na véspera de Natal para celebrar e fazer muitas loucuras!

Duas razões pelas quais agendei este filme para ver: Seth Rogen (quando quero rir sei que posso confiar num dos filmes da saga Hangover) e uma breve aparição da Miley Cyrus. Pensei: bem, já que (na altura que eu vi o filme) o espírito natalício estava no ar, seria algo engraçado para ver. Nem por isso. Dá-se uma gargalhada ou outra, mas a meu ver, as partes melhores do filme estão logo nos minutos iniciais com o narrador a falar sempre a rimar e a parte da festa, que só começa após 1 hora do filme. Daí estar a amarelo.

 

Home: A minha Casa (2015)

O planeta Terra foi invadido por seres extraterrestres, os Boov, que estão em busca de um novo planeta para chamar de lar. Eles convivem com os humanos pacificamente, que não sabem da sua existência. Entretanto, um dia a jovem adolescente Tip (Rihanna) encontra o alien Oh (Jim Parsons), que foi banido pelos Boov devido às várias trapalhadas causadas por ele.

Aproveitei a boleia da SIC para ver este filme na altura das festas. Achei super engraçado e diferente! Tem uma lição moral por trás, o que lhe dá um toque especial. Não há melhor que um bom filme de animação para a altura do Natal.

 

[Sem Trailer]

Frozen: Uma Aventura de Olaf (2017)

É a primeira temporada de festas de fim de ano desde a reabertura dos portões e Anna (Kristen Bell) e Elsa (Idina Menzel) organizam uma festa para toda a Arendelle. Porém, quando as pessoas da cidade saem cedo da comemoração para desfrutar seus costumes prórprios, as irmãs percebem que não possuem tradições familiares. No entanto, Olaf quer tentar mudar essa situação e trazer um Natal feliz para as meninas. Ele decide viajar pelo reino para trazer para o castelo as melhores tradições locais.

É preciso eu falar? Quem já me segue há algum tempo sabe que eu amoooooooooooo Frozen e, principalmente, o Olaf! 20 e tal minutos sempre a rir. Melhor filme de 2017!

 

Tartarugas Ninja: Heróis Mutantes (2014)

Afetados por uma substância radioativa, um grupo de tartarugas cresce anormalmente, ganha força e conhecimento. Vivendo nos esgotos de Manhattan, quatro jovens tartarugas, treinadas na arte de kung-fu, Leonardo, Rafael, Michelangelo e Donatello, junto com seu sensei, Mestre Splinter, tem que enfrentar o mal que habita cidade.

Em pequenas, a minha irmã era quem mais via as Tartarugas Ninja e, tendo sido o filme transmitido na TV, aproveitei a boleia e vi-o. Não achei nada de especial, mas também não é horrível. Daí a cor amarela.

 

À Procura da Dory (2016)

A simpática mas esquecida peixe azul começa uma busca pelos seus pais há muito tempo perdidos, enquanto isso, todos aprendem algumas coisas sobre o verdadeiro significado da família ao longo do caminho.

É impossível não gostar da Dory e reviver as aventuras dos peixes-palhaços. Mais um filme à boleia da SIC, só podia ser. É claro que gostei do filme, isso lá se pergunta?

 

Zootrópolis (2016)

Quando Wilde é acusado de um crime que não cometeu e que choca Zootrópolis, ele é seguido pela tenente coelha Judy Hopps, uma novata agente policial que acabou de chegar à cidade. Wilde e Judy não se suportam, mas quando tornam-se alvos de uma conspiração, são forçados a unir forças para derrubar os verdadeiros inimigos...

 

Sem expectativas nenhumas, lá fui eu mais uma vez aproveitar a boleia da TV! Não o vi diretamente na altura, mas gravei e vi uns dias mais tarde e A-D-O-R-E-I! A mensagem por trás do filme de se deve lutar pelos sonhos e acreditar que somos capazes é muito inspiradora para todas as idades! O facto de a Agente Hopp se juntar Nick, uma raposa que, segundo os outros coelhos, é um dos pior perigos para os coelhos mostra que não se deve ligar a preconceitos e a estereótipos. Um filme excelente para ver quando se quer dar uma gargalhada.

 

6 Years (2015)

Um jovem casal, Dan (Ben Rosenfield) e Mel (Taissa Farmiga), se conhecem desde a infância e estão namorando há 6 anos. A princípio, eles parecem ter um amor ideal, mas a notícia de uma oportunidade de emprego para Dan pode abalar o romance e mudar o rumo das coisas dependendo da escolha que ele fizer. Talvez o futuro que eles tinham imaginados juntos não se torne mais uma realidade.

Em primeiro lugar, a sinopse do filme não reflete o enredo da história. Temos um casal de jovens adultos, ambos estagiários, ele numa gravadora e ela numa escola primária cuja relação é abalada por uma oferta de emprego sim, mas isto acontece apenas já no final do filme.

[SPOILERS] Se houvesse algum aspeto que eu tivesse que destacar são as agressões físicas que o Dan sofre duas vezes durante o filme e mais uma vez em que a Mel não chega a agredi-lo, mas algo grave acontece na mesma. E este aspeto dá e muito que pensar. Da primeira vez, Mel encontra-se bêbeda e quer conduzir nesse mesmo estado. Dan não o permite e começa uma luta pelas chaves do carro. Como seria de prever, algo iria correr mal. Mel empurra Dan e este bate com a cabeça na cómoda e acaba a noite nas emergências médicas. A segunda situação, Mel descobre que Amanda (outra personagem do filme que apesar de não ser a protagonista, desempenha um papel importante) beijou Dan e, novamente bêbeda, começa aos murros ao peito do Dan. Para tentar pará-la, Dan consegue imobilizá-la deitando-a no chão, mas, ao passar a polícia a interpretação é que o rapaz está a tentar violá-la. Resultado: Dan vai preso. E finalmente, na terceira... Dan já revelou a oferta de emprego e Mel reagiu mal. O namorado fez algo que não devia e acaba por a trair com Amanda. Mel apanhou-os e passa-se. Atira um copo de vidro a Dan e depois acaba por o empurrar para cima dos estilhaços. O filme terminada com Dan, na cama do hospital, e Mel a discutirem a oferta de emprego. O resto? Boa pergunta! O final do filme é aberto. Será que vai haver uma sequela? Se houve, provavelmente não vou ver.

 

A Forma da Água (2017)

Elisa é uma zeladora muda que trabalha em um laboratório onde um homem anfíbio está sendo mantido em cativeiro. Quando Elisa se apaixona com a criatura, ela elabora um plano para ajudá-lo a escapar com a ajuda de seu vizinho.

O que me chamou a atenção? Não foi o facto de estar nomeada a não sei quantos Óscares, mas sim o título, o trailer e a forma como o realizador descreveu o filme: como uma forma diferente d'A Bela e o Monstro. Já tinha visto pessoas a falarem bem e outras que não gostaram tanto. Mas isto é normal acontecer. Eu, muito sinceramente gostei. Confesso que não será um filme para muitas pessoas devido às cenas explícitas. Mas a forma como uma pessoa muda encontra neste ser aquático alguém com quem se identifica, e chega mesmo a apaixonar, acho que é uma ideia engraçada e ficou bem retratatada. Agora, se aquilo foi bem gravado e esses detalhes técnicos todos? Eu não sei NADA dessas coisas . E secalhar é por isso que gostei do filme, por não perceber! Digo já que não sou de ver filmes que são nomeados para os Óscares. Normalmente são aqueles que eu menos gosto, mas isso é de mim. Mas se há algo que eu gosto é do género Fantasia, e este filme, é exatemente isso.

 

Final Girl (2015)

Um grupo de adolescentes caçam e matam garotas em florestas como um perturbador ritual de iniciação. Um dia, eles escolhem Veronica (Abgail Breslin) para ser sua nova presa. Mas o que eles não sabem é que ela foi treinada para ser uma assassina profissional e que sabe se defender muito bem sozinha.

Tenho mudado o género de filmes que gosto de ver. Dantes preferi ver aqueles romcom que, agora mais parecem todos os mesmos filmes, mudam apenas os atores. Este filme, representa mais o estilo de filmes que eu agora gosto mais de ver: thriller e drama, com um bocadinho de acção. A sinopse conta tudo. E apesar de este filme em particular não ser nada de espetacular, fiquei pegada ao ecrã à espera de ver como é que a Veronica escolhia terminar com a vida de cada um dos rapazes do grupo. Uma hora e 24 minutos que se passam bem.

05
Mai18

E se eu fosse... a Shego?

E se eu fosse a shego_.png

E foi esta personagem, a famosa vilã da série de desenhos animados da Disney, Kim Possible, que a Sara Marques desafiou-me a fazer. Afinal, se eu fosse... a Shego? Que tipo de maquilhagem eu iria usar? A resposta está no vídeo!

Produtos utilizados:

- Base HD Liquid Coverage na cor Light Beige da Catrice

- Corretor All about matt! na cor 05 matt ivory da Essence

- Pó Compact no cor 01 da Yes Love

- Paleta Mirror Palette da Douglas

- Blush Silky Touch Blush na cor Autumn Peach da Essence

- Lápis de olhos na cor Preto da Michela Valentis

- Sombra cremosa Color Tattoo na cor Timeless Black da Maybelline

- Pigmento Eye Dust na cor shade 3 da MUA

- Paleta All Eyes On Me Glamorous Shimmer Neutrals da The Color Workshop

- Máscara de Pestanas Volume Stylist 18h Lash Extension da Essence

- Máscara de Pestanas Great Lash na cor Very Black da Maybelline

 

Não te esqueças de subscrever ao canal aqui e de colocar  no vídeo! 

Bom fim-de-semana,

04
Mai18

#CrueltyFree: Revolution + I Heart Revolution + Revolution Pro

Olá, olá! A marca Cruelty Free de hoje é a Revolution, cujo antigo nome é Makeup Revolution. Pois é! A Makeup Revolution tem novo nome e e não só! Dentro da Makeup Revolution, existiam mais marcas: a Freedom (que agora é Revolution Pro) e a I Heart Makeup (agora I Heart Revolution). Para não estar a falar de cada marca isoladamente, juntei tudo no mesmo post e assim acrescento à lista logo mais 3 marcas.

A Revolution é a marca que eu mais estou à vontade para falar, porque já testei várias coisas deles, nomeadamente pincéis, paletas de sombras e iluminadores. Tanto esta como a I Heart Revolution (ou Makeup), são conhecidas pelas imitações de produtos caros, principalmente das paletas alguns produtos para a cara, como blushes e iluminadores. Por vezes não é que o produto seja igual, é mais a embalagem... Ora vê estas fotos:

Créditos: 12345 | 6 

Aliás, se viste o vídeo de quarta-feira, eu fiz a review da paleta da Revolution que aparece na 6ª foto. Podes ver esse vídeo/post aqui. Aqui no blog também estão disponíveis outros vídeos e posts sobre esta marca: as primeiras impressões das paletas SophX (sombras e iluminadores), a comparação da Flawless Matte 2 da Revolution com a Ultimate Naked Basics da Urban Decay e um tutorial usando as duas paletas e ainda um vídeo onde faço um haul com os pincéis da marca. Portanto, quem por aqui anda já ouviu, pelo menos, eu falar/escrever sobre a marca.

Muito recentemente, a marca lançou um corretor e uma base em stick que estão a ganhar terreno na comunidade da Beleza, pela sua excelente qualidade, a um preço super baixo e que eu quero experimentar em breve.

Já a Freedom, agora Revolution Pro, é a sub-marca dedicada a artistas de maquilhagem, pois os produtos são mais do género "profissionais". Mas não é por isso que torna os produtos mais caros que o normal, nada mesmo! Os preços são basicamente os mesmos. 

Acho que não me preciso alongar muito sobre a marca (ou marcas), que para além de Cruelty Free, é(são) Vegan! Se este for um critério importante para ti, e se alguma marca mais cara tenha algo que queiras experimentar mas não o fazes porque não é Cruelty Free ou não é Vega, só tens de procurar e ver se a Revolution tem a sua própria versão desse produto.

Escusado será dizer que gosto imenso da Revolution ;D

02
Mai18

Review | Paleta New-trals VS Neutrals da Revolution + Tutorial

New-trals VS neutrals.png

Olá maltinha! Como correu o feriado por essas bandas? Aqui foi aproveitado para trabalhar aqui para o mundial virtual, já que nos outros dias o trabalho é para o mundial "real"...

Hoje trago-vos um vídeo que eu tinha questionado nas Insta Stories se queriam a review desta paleta ou não. E estou a falar de uma das paletas mais vendidas da Makeup Revolution, agora apenas Revolution, que ganhou fama por ser um dupe da paleta da grande marca Anastasia Beverly Hills, a Modern Rennaissance. Ambas têm tons acastanhados, avermelhados e rosas, com metalizados que têm tons rosa dourado e dourado. 

Eu comprei esta paleta na Wells aqui da zona por 8.50€, mas ela na Primor custa 6.99 e na MaquiBeauty é mais cara que na Wells, custando 8.95€. 

Esta paleta tem 16 sombras, sendo que inclui acabamento mate, com brilhos e metalizado, sendo este último a razão pela qual comprei esta paleta, pois faz-me lembrar os tons da paleta Mauve Obsessions da Huda Beauty, cujo preço na Sephora ronda os 30€.

No vídeo, partilho não só a minha opinião sobre esta paleta, como um pequeno tutorial do look que vos apresento:

A embalagem acho que é de acordo com o preço que pagamos, sendo que a minha veio com o defeito do espelho que eu mostro no vídeo. As sombras são grandes o suficiente e trás um pincél que, apesar de a qualidade não ser grande coisa, se existir uma emergência, pode safar-nos na parte do esfumar.

 As sombras têm swatches lindos e a cor que vemos traduz-se tantos nos swatches, como nos olhos. Estas fotos foram tiradas sem primer, sendo que a única edição que eu fiz às fotos, foi adicionar o logo do blog.

 Já conhecias esta paleta? Os tons interessam-te? Conta-me tudo!

Pág. 2/2

Sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Descontos

MakeupLovers - Maquilhagem, Produtos de Rosto, Corpo e Unhas
Usa o código "sara10" na Makeup Lovers para teres 10% de desconto numa encomenda! Sabe mais aqui.

picasion.com
picasion.com

Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D